20 de jul de 2009

Rede Globo é condenada a pagar indenização de R$ 150 mil à juíza

A Rede Globo e a apresentadora Ana Maria Braga (imagem) foram condenados a pagar indenização de R$ 150 mil para a juíza Luciana Viveiros Seabra, da cidade de Praia Grande, litoral de São Paulo.

A sentença foi motivada porque a apresentadora do "Mais Você" teria exagerado nas críticas à juíza.

No dia 20 de novembro de 2007, Ana Maria Braga, em seu programa na TV Globo, fez críticas à Luciana por ela ter libertado Jilmar Leandro da Silva, que tinha sido preso por agredir e manter refém a sua até então namorada, Evellyn Ferreira Amorim.

Depois de solto, o rapaz voltou a sequestrar Evellyn, a matou e se suicidou em seguida.

Na época, Ana Maria expôs o nome da juíza em rede nacional ao dizer "Eu quero falar o nome dessa juíza para a gente prestar atenção. Ela, a juíza, é Luciana Viveiros Seabra".

A emissora e a apresentadora ainda podem recorrer da decisão.

Artigos Relacionados

0 comentários: